• Autor

O que é critério de noticiabilidade no jornalismo? Como definir o que é notícia?

Quando tento definir o que faz de um acontecimento algo que merece ser transformado em notícia, eu gosto muito de lembrar de algo que uma professora da faculdade de jornalismo disse:


"O aniversário da sua mãe é muito importante para você e sua família mas nem por isso vai se tornar notícia na imprensa, a menos que você tenha criado um jornal familiar"


Para virar notícia o acontecimento precisa atender a alguns requisitos chamados de critérios de noticiabilidade, ou valores-notícia, ou ainda, valores informacionais.

No post de hoje você vai conhecer quais são esses critérios, vai entender porque eles existem, quem faz essa seleção e muito mais.


Não se esqueça de se inscrever no blog para ser notificado sempre que um novo post for publicado.



O que são critérios de noticiabilidade: como escolher o que veicular como notícia?


Os critérios de noticiabilidade - também chamados de valores-notícia - são requisitos utilizados dentro do processo de produção jornalística para definir quais dos fatos ocorridos em um determinado período (que varia dependendo da periodicidade do veículo) receberá cobertura.


Cada veículo determina os valores-notícia considerando o seu público, o horário de circulação, a linha editorial, a localização, entre outros aspectos.


Um exemplo interessante é imaginarmos que somos jornalistas de uma revista para médicos, para a área da medicina.


Naturalmente, não vale selecionar para esse público uma notícia sobre a indústria da moda, sobre novos hábitos de consumo de moda fast food, sobre a semana de moda de São Paulo...


Por outro lado, o anúncio da entrada com uma ação por parte do governador de um estado junto ao STF (Supremo Tribunal Federal) pedindo a liberação da compra de vacinas contra a Covid-19 em situação emergencial sem dúvidas será muito interessante.


Perceba que foi preciso analisar o público para o qual o veículo escreve, quais os seus interesses, qual o seu alcance.


Por que existem os critérios de noticiabilidade?


Todos os dias, a cada hora, minuto, segundo, um novo fato acontece.


Milhares e milhares de acontecimentos ao redor do mundo.


São novas descobertas tecnológicas, avanços médicos, situações de violência absurdas, catástrofes naturais, crimes políticos e econômicos, aprovações de leis...


Todos esses acontecimentos, se transformados em notícia, renderiam bilhões e bilhões de páginas no jornal ou infinitas horas de programação de rádio, por exemplo.


Isso não é possível, claro.


Portanto, para que seja possível manter a sociedade informada sobre o que mais pode impactar em sua vida, é necessário passar esses acontecimentos por variados filtros, que vão resultar em uma seleção que cabe dentro da programação jornalística.



Critérios de noticiabilidade mais comuns


Os principais autores em jornalismo definem e classificam os critérios de noticiabilidade de formas um pouco diferentes.


Entretanto, em geral, eles costumam ser muito parecidos.

Logo abaixo está uma lista de valores-notícia segundo o jornalista, professor e escritor Mário Erbolato:


Proximidade – noticiário local (rua, bairro, cidade, interior, estado, país)


Marco geográfico – fato importante para uma cidade que acontece em outro lugar. Pode ser também a notícia de um brasileiro em outro país.


Impacto – acontecimentos chocantes ou impressionantes


Proeminência (celebridade) – notícias sobre pessoas importantes


Aventura e conflito – Assassinatos, rixas e golpes fantásticos


Consequências – fato que possa atingir o Brasil (gripe aviária, por exemplo)


Humor – algo inusitado, engraçado


Raridade – fato curioso, diferente (melancias quadradas, por exemplo)


Progresso – melhorias na condição de vida (pontes, rodovias, usinas etc.)


Sexo e idade – mulheres nuas, casamentos em idade avançada e outros


Interesse pessoal – notícias de utilidade (tratamento de doenças, datas)


Interesse humano – fatos que descrevem histórias e dramas pessoais


Importância – acontecimentos de maior relevância do dia


Rivalidade – noticiário esportivo


Utilidade – notícias de utilidade pública e direito do cidadão


Política editorial do jornal – de acordo com o posicionamento da empresa


Oportunidade – notícia pertinente dentro de um contexto específco


Dinheiro – noticiário econômico, loterias e outros


Expectativa ou suspense – sequestros, acidentes, catástrofes


Originalidade – algo diferente, inédito ou raro


Culto de heróis – atos importantes (de bravura) de pessoas famosas ou não


Descobertas e invenções – noticiário de ciências, informática e outros


Repercussão – fato que gerou ou irá gerar outras notícias, comentários e desdobramentos


Confidências – revelações pessoais sobre algum fato ou alguém


Quem faz a seleção das notícias?


Geralmente a seleção de notícias é feita na reunião de pauta, um encontro entre os profissionais dentro da redação.


Nessa reunião geralmente os pauteiros e os editores fazem suas sugestões de pauta.


Em conjunto, são selecionadas algumas ideias, sempre visando atender à linha editorial do veículo, e outras são descartadas.


Leia também: Quais são os cargos e as funções no jornalismo Leia também: Como funciona uma empresa de comunicação: redação e outros departamentos


Não deixe de se inscrever no Jornalístico para ser informado sempre que um novo post sobre o curso de jornalismo, dicas de estudo e EAD for publicado.

Publicidade

Quer receber notificações?

Inscreva-se e receba uma notificação sempre que um novo post for publicado

Recentes

© 2018 POR JORNALÍSTICO. ORGULHOSAMENTE CRIADO COM WIX.COM

  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Instagram Basic Black